terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Para Ti


Amor, para ti
que me esperas,
em cada fim de tarde.
Que me fazes sentir
a rainha do mundo.

Cada começo de dia,
cada palavra dita,
é sempre uma alegria,
pensar em ti.

Quando vagueio pela rua,
olhando à volta,
as pessoas que passam,
os olhares que trocam,
É a ti que recordo.

O dia passa,
com alegrias, tristezas,
desilusões.
Mas é em ti que eu penso.
É para ti que volto!

Amor, para ti.


Fátima
Foto: Alberto Viana d'Almeida

6 comentários:

marias disse...

Amiga,
É sempre bom começarmos o dia a pensar no amor e ao fim do dia voltar para ele e saber que ele está ali à espera.
Só pode ser um felizardo o teu amor por ter uma pessoa linda como tu.

Beijinhos

OverLove disse...

Que prazer amar. Que prazer declarar. Que prazer ter amor para dar.
Felicidades Fátima.

Oliver Pickwick disse...

Uma rainha do mundo, mas uma rainha generosa, que homenageia docemente aquele que o chama assim.
Beijos!

Anónimo disse...

E viva o amor! Que bom amar e ser amado. Que tenhas sempre alguém á tua espera.
Beijinhos

C Valente disse...

A felicidade contida
sauda�es amigas

andre wernner disse...

Belo poema, Fátima
Falar de amor já é um encantamento. Mas, vivenciá-lo e projeta-lo para o mundo em forma de poesia é dar vida ao sentimento e mostrar a elevação da alma que flana!
Abs