terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Mimo do Gui


Ofereço a todos os amigos este selinho!
Beijos cheios de ternura.

Obrigada amigo GUI

11 comentários:

Machado de Carlos disse...

Para lembrar o assundo da AIDS

Metástase


Vi o deserto rude nesta neutra ala;
A areia nos olhos mata de agonia!...
Infinda é a solidão ao raiar do dia,
Feneço no fascínio desta vala.


Na rota chula do mundo de nada;
De coração inerte e a mente fria,
A morte é lenta... cai a filosofia
— Ó, vácuo, és imundo!... — A voz se cala!


Raquítico é o olhar. A mente é vazia;
Tento a saída pelas grades sombrias.
— Onde a cura nesta noite incerta?


Na morada meu número é zero,
Sou do lixo no Governo de Nero,
Morro todos os dias... de boca aberta!


Carlos

marias disse...

Parabéns pelo prémio, merecido!

Beijinhos, amiga.

Oliver Pickwick disse...

De minha parte, agradeço, querida amiga!
Beijos!

quintarantino disse...

Mais um? Mas que coleccionadora de prémios tu estás!
Beijão (para ser diferente dos beijinhos).

Adriana disse...

Vovê merece todos os mimos.Pessoas especiais são brindes a nossa vida.Parabéns!!

amigona avó e a neta princesa disse...

Mereces, amiga! Beijo e bom fim-de-semana...

Vieira Calado disse...

Obrigado, na mesma. Já o tenho, vindo de outro blog.
Cumprimentos

JOY disse...

Olá Fátima

Parabéns pelo prémio,é concerteza merecido. Aproveitei para lêr um dos teus bonitos poemas.
Agradeço-te a simpática oferta.


Fica bem
JOY

efvilha disse...

Olá, Fátima.

Obrigado pela agradável visita. Será, sempre, imensamente bom recebê-la no meu blog, um espaço de cordialidade, paz e amizade.

Considero-me honrado com a oferta do selinho. Eu o tenho em outro álbum, cuja capa é feita do tecido de leal amizade.

Beijo de Paz, em ti.

SILÊNCIO CULPADO disse...

Fátima
Nenhum prémio para ti é demais. Mereces, amiga.
Beijinhos

FM disse...

Obrigado!
Mereces este e muitos mais prémios, como sabes...
Beijos com Essências.